Tripés e Monopés

Tripé

É um acessório com três pernas (três pontos de apoio) que mantém a câmera completamente estática.

O tripé consiste em 3 partes.

  • Corpo: são as pernas do tripé. Dependendo da sua geometria e construção o tripé tem uma altura mínima e máxima tolerável. Com o corpo que primeiro fazemos o posicionamento da câmera, uma vez que irá determinar a altura dele.imagem
    • Rótula ou cabeça: A parte do tripé com que se encaixa a câmera. Ela é aparafusada na parte superior do tripé. Com ela eu faço muitos ajuste de posição da câmera, dependendo do quadro, dependendo das necessidades do fotógrafo e o tipo de fotografia podemos usar diferentes tipos de rótulas.
      Embora existam tripés, incluindo a rótula fixa no próprio corpo, é aconselhável comprar tripés com rótulas intermutáveis. Assim, se uma nova necessidade surgir não há necessidade de mudar todo o tripé, mas simplesmente comprar uma nova rótula.

      • 3D: Estas rótulas são as mais recomendados quando você precisa fazer algum tipo de movimento na câmera ao fotografar, mantendo um dos planos fixos, por exemplo, pode se movimentar para acompanhar um carro numa corrida.
      • Bola: Estas são as mais recomendado para casos de fotos estáticas, quando não se pretende mover quando for fazer a foto.
      • Joystick: Usado nas mesmas situações que a de bola, embora este tipo de juntas de bola são um pouco maiores. Eles são mais confortáveis ​​do que as outras de usar e são usadas principalmente em uso pesado em que mudanças constante na estrutura são feitas, por exemplo, no estúdio fotográfico.

     

    imagem

     

    • Sapata: A sapata de borracha é aparafusado na câmara ou em outros acessórios, o qual é acoplado à cabeça do tripé. Assim, não é necessário enroscar a câmara sempre que o tripé é usado, fixando a sapata a câmara o acoplamento da câmara no tripé é muito mais rápido e mais conveniente. Se você utiliza o mesmo tripé para vários diferentes de câmeras ou outros acessórios, como flashes, recomenda-se ter vários sapatas, um para cada câmara ou acessório.imagem

      Quando você precisa usar um tripé?

    • Com exposições demoradas: Fotografias tiradas a noite, efeito de água de seda, tempestades … em suma qualquer foto onde a exposição é alta o suficiente que possa trepidar a imagem.
    • Ao usar objetivas: Deve-se ter em mente que um pequeno movimento da câmera é um movimento muito grande no assunto quando se foca à distância. objetivas na maioria das vezes requerem o uso de um tripé.
    • Quando você quiser fazer várias imagens com o mesmo enquadramento.
    • No estudio, por conveniência, para não levar a câmera.
    • Ao utilizar o temporizador, para dar tempo do fotógrafo se posicionar e sair na foto.

    Recomenda-se que o tripé esteja firme e estável para garantir que a câmera está completamente parada, se o efeito do vento é perceptível na foto, por exemplo, é porque o tripé não é suficientemente estável. Dado que todos os tripés são universais e aplicam-se a todos os tipos de câmera compensa investir em um bom tripé.



    O Monopé

    É um acessório com uma única perna, que serve para estabilizar e suportar o peso da câmara e lente. Embora não possa manter completamente imóvel a câmera, o monopé reduz muito a possibilidade de trepidar uma imagem. Eles são muito mais rápidos, mais confortável e portáteis do que os tripés. Curiosamente, em eventos esportivos com espaço limitado dedicado a fotógrafos, eles não podem usar um tripé, pois eles ocupam muito espaço, e só dá para usar o monopé.

    imagem

Continue lendo as demais aulas deste CURSO ONLINE GRÁTIS – CURSO DE FOTOGRAFIA ONLINE

Avalie esta página! Obrigado!

Tripés e Monopés
5 (100%) 1 vote

15 de novembro de 2017

0 respostas em "Tripés e Monopés"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

gyncursos.com.br © Desenvolvido por GYN SITES